José Patrício/AE - 10/2/2010
José Patrício/AE - 10/2/2010

Washington mira recorde na Libertadores pelo São Paulo

Com cinco gols marcados desde que chegou ao clube, ele quer se tornar o maior artilheiro na competição

AE, Agencia Estado

24 de fevereiro de 2010 | 20h54

O atacante Washington revelou ter uma motivação extra na Copa Libertadores deste ano. Com cinco gols marcados na competição desde que chegou ao São Paulo, incluindo os dois contra o Monterrey deste ano, ele quer fazer história e se tornar o maior artilheiro do clube no campeonato.

Veja também:

linkRecuperado, Ricardo Gomes diz que verá jogo de quinta

Quatro jogadores dividem atualmente o posto com dez gols marcados: Muller, Palhinha, Pedro Rocha e Rogério Ceni. Mas demonstrando muita confiança, Washington acredita que pode superar a marca.

"Se isso realmente acontecer será um privilégio. Quem sabe eu possa entrar para história. Claro que prefiro ser campeão, mas se tiver esta oportunidade seria magnífico. Mas meu pensamento maior é o título da Libertadores", afirmou o jogador.

O bom início contra o Monterrey, na opinião de Washington, foi importante para que ele ganhasse confiança. "Foi muito bom começar desta maneira. Ano passado eu fiz apenas três, mas poderia ter feito mais. Estes gols me deram mais confiança e espero continuar neste ritmo", completou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.