Washington: recorde na Copa do Brasil

O atacante Washington definitivamente entrou para a história da Ponte Preta e também do futebol brasileiro. Ao marcar quatro gols na goleada da Ponte sobre o Fortaleza-CE, nesta tarde em Campinas, ele se tornou o principal artilheiro da Copa do Brasil em todos os tempos, com 11 gols, superando Oséas, atualmente no Cruzeiro-MG, que marcou 10 gols em 1998, quando atuava pelo Palmeiras."Só posso agradecer a Deus e ao apoio que tenho aqui no clube", destacou o artilheiro, que se emocionou ao marcar o seu quatro gol no jogo, cobrando pênalti. Ele chorou ao se lembrar do pênalti perdido nas semifinais do Campeonato Paulista, contra o Botafogo, e também por ter marcado seu 50º gol vestindo a camisa do time campineiro."Provamos que a desclassificação no Paulistão foi um acidente", comentou o atacante, que lidera a artilharia de duas competições neste primeiro semestre. Ele tem 16 gols no Paulistão e dificilmente será alcançado por Marcelinho Carioca, do Corinthians, que tem 11 gols. Andrei, do União São João, tem 12 gols, mas não atuará mais. Na Copa do Brasil, o pontepretano também tem tudo para ser o artilheiro. É seguido por França, do São Paulo, com 8 gols, mas também fora da competição. Mesmo com a Ponte Preta nas semifinais, Washington está fora dos próximos jogos. Ele viaja nesta quinta-feira para o Japão, integrando-se à seleção brasileira. "É bom chegar lá com moral. Agora espero ganhar a camisa titular da seleção", disse o jogador, o mais aplaudido pela torcida no estádio Moisés Lucarelli, e que só deixou o estádio no começo da noite depois de muito assédio da imprensa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.