David Klein/ Reuters
David Klein/ Reuters

Watford demite treinador após tentativa do Everton de contratá-lo

'Houve uma significativa deterioração do foco e dos resultados', justificou o clube sobre a saída de Marco Silva

Estadão Conteúdo

21 Janeiro 2018 | 13h50

O Watford surpreendeu neste domingo ao anunciar a demissão do técnico Marco Silva. O clube afirmou que a saída se deve à tentativa do Everton de contratá-lo nos últimos meses. Na avaliação da direção do Watford, a abordagem do clube de Liverpool alterou o "foco" do técnico.

+Confira a tabela de classificação do Campeonato Inglês

+Com três gols de Agüero, Manchester City vence e segue folgado na ponta do Inglês

"O Watford encerrou seu vínculo com Marco Silva. Foi uma decisão difícil e que não foi tomada com tranquilidade", declarou o clube, em comunicado, antes de justificar a saída dele.

De acordo com o Watford, a mudança no comando técnico do time se deve à abordagem feita pelo Everton em novembro. A tentativa de contratação do treinador teria afetado a concentração de Silva no trabalho com o Watford. "Houve uma significativa deterioração do foco e dos resultados", alegou o clube.

"O clube está convencido de que a contratação de Silva foi correta e continuaria sendo se não tivesse havido a injustificada abordagem... Poderíamos continuar a prosperar sob a sua liderança. Mas, pela segurança e pelo sucesso do clube, o Conselho acredita que é necessária a mudança", registrou a direção, no comunicado.

Marco Silva, de apenas 40 anos, chegou ao clube em maio do ano passado e vinha obtendo bons resultados à frente da equipe. O Watford é o atual 10º colocado do Campeonato Inglês, com 26 pontos em 24 rodadas. No sábado, o time foi derrotado pelo Leicester City por 2 a 0.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.