Wellington Silva diz que Fluminense vai tentar 'algo a mais' na reta final

Fluminense, quinto colocado no Brasileirão

Estadão Conteúdo

07 Outubro 2016 | 17h01

A ampliação no número de vagas do Brasil na Copa Libertadores, de cinco para sete, fez com que a zona de classificação do Campeonato Brasileiro passasse de um G4 para um G6. Um dos beneficiados, ao menos provisoriamente, é o Fluminense, quinto colocado no torneio. O Flu, porém, quer mais.

Isso porque só os três primeiros colocados terão direito a uma vaga direta na fase de grupos. Os demais terão que disputar uma Pré-Libertadores inflada, com 16 clubes, sendo três deles brasileiros, brigando por quatro vagas. Ou seja: se quiser se garantir de verdade na Libertadores, o Flu tem que brigar ao menos pelo terceiro lugar.

"O torcedor sempre quer mais e pode ter certeza de que nós também. Vestimos a camisa do Fluminense, então, o pensamento é sempre em conquistar títulos. Estamos tentando esse algo a mais nessa reta final para vencermos o maior número de jogos", comenta o lateral-direito Wellington Silva.

Em meio à 29.ª rodada, que tem prosseguimento no sábado, o Flu é quinto colocado, com 46 pontos. Em terceiro está o Atlético-MG, com 53. O primeiro time fora do G6 é o Grêmio, com 43, mas o Botafogo ainda joga e pode ir a 44, encostando no rival tricolor. Na quinta-feira que vem, o clássico é contra o Flamengo, vice-líder.

"Clássico é sempre complicado. É um duelo de duas equipes que estão na parte de cima da tabela. Vai ser um jogo em que as duas equipes vão buscar o erro zero. Temos alguns dias de preparação e vamos trabalhar forte. Teremos o nosso torcedor ao nosso lado, então temos tudo para vencer o jogo, sempre respeitando a equipe do Flamengo", destacou Wellington Silva.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.