Wenger evita comentar sobre volta de Henry ao Arsenal

O técnico Arsène Wenger evitou comentar a possibilidade do Arsenal contratar, mesmo que por empréstimo, o atacante Thierry Henry. O jogador francês está treinando com o clube londrino nas últimas semanas, já que o futebol do Estados Unidos, onde defende o New York Red Bulls, está em férias. Apesar disso, o treinador garante que ainda não analisa a possibilidade de contratar Henry.

AE, Agência Estado

17 de dezembro de 2011 | 17h11

"Eu nem sequer investiguei isso", disse Wenger. "Eu não posso te dizer nem mesmo se há uma chance, porque eu nem sequer fiz qualquer abordagem, a ele ou ao seu clube", completou o treinador, que deverá ficar em janeiro sem os atacantes Gervinho e Chamakh por conta da disputa da Copa Africana de Nações.

Henry é o maior artilheiro da história do Arsenal, com 226 gols marcados. O atacante defendeu o clube inglês entre 1999 e 2007, quando se transferiu para o Barcelona. Na semana passada, ele foi homenageado no aniversário de 125 anos de fundação da equipe.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolArsenalArsene WengerHenry

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.