Werder fatura Copa da Alemanha na despedida de Diego

Depois da decepção na final da Copa da Uefa, o Werder Bremen se reabilitou e conquistou o título da Copa da Alemanha, neste sábado, ao derrotar o Bayer Leverkusen por 1 a 0. A partida marcou a despedida do brasileiro Diego, que defenderá a Juventus, da Itália, a partir da próxima temporada.

AE, Agencia Estado

30 de maio de 2009 | 17h31

Com o sexto título da Copa da Alemanha - também vencer em 1961, 1991, 1994, 1999 e 2004 -, o Werder encerra a temporada de forma positiva, após ficar apenas na 10ª colocação no Campeonato Alemão e ser derrotado na final da Uefa pelo ucraniano Shakhtar Donetsk.

Neste sábado, as duas equipes fizeram um primeiro tempo equilibrado. Os times pouco arriscaram e deixaram as emoções para a segunda etapa. Após o intervalo, o Werder mostrou mais futebol e foi premiado logo aos 13 minutos. Diego criou jogada no meio e lançou Ozil pela esquerda. O jogador bateu cruzado e mandou por debaixo das pernas do goleiro René Adler.

A vantagem no placar deixou o Werder ainda mais à vontade em campo. O Bayer, do brasileiro Renato Augusto, chegou a pressionar em busca do empate, mas pouco ameaçou a defesa adversária.

Além de definir o fim da temporada alemã, a partida marcou a saída de Diego do time. O jogador, que assinou contrato com a Juventus até 2014, chegou ao clube alemão em 2006 e marcou 34 gols em três temporadas. Em uma delas foi eleito o melhor jogador do Campeonato Alemão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.