Cesar Geco/Ag. Palmeiras
Cesar Geco/Ag. Palmeiras

Weverton diz que jogo coletivo 'faz a diferença' para sucesso do Palmeiras

Líder do Brasileirão, time alviverde soma 29 jogos consecutivos sem perder na competição - somando duelos do ano passado

Redação, Estadão Conteúdo

26 de maio de 2019 | 16h34

Poucas vezes vazado nesta temporada, o goleiro Weverton, que integra a melhor defesa do Campeonato Brasileiro, disse que o jogo coletivo é o grande responsável pela solidez no setor defensivo e pelos bons resultados consecutivos do Palmeiras no ano. O time alviverde derrotou o Botafogo por 1 a 0 no sábado, em Brasília, e ampliou a sua invencibilidade no torneio nacional para 29 partidas - levando em conta a edição de 2018 e a atual -, o que dá um aproveitamento de 84%.

"É um momento bom de toda a equipe. O que mais faz a diferença para o Palmeiras é o coletivo", avaliou o goleiro. "Lógico que existem jogadores muito bons, que acabam resolvendo uma partida, mas e se a gente parar para analisar, o comportamento de toda a equipe é muito bom", emendou.

Se o Palmeiras não leva um gol com o paraguaio Gustavo Gómez e Luan formando a dupla de zaga há mais de mil minutos, com Weverton o panorama é parecido. O goleiro foi vazado pela última vez no dia 2 de abril, justamente a data do último revés do time paulista na temporada - para o San Lorenzo, na Argentina, por 1 a 0, pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Libertadores.

Desde então, Weverton foi titular da meta palmeirense em oito jogos e não foi buscar a bola no fundo das redes em nenhuma das ocasiões. O time sofreu um gol neste meio tempo, no empate em 1 a 1 contra o CSA, em Maceió, pela segunda rodada do Brasileirão, mas Jailson foi o escolhido para ser titular naquela partida. Foi o único gol sofrido pela equipe treinada por Luiz Felipe Scolari no torneio nacional, que lidera com 16 pontos.

"Todo mundo se entrega, se doa, faz o seu melhor, independente de quem jogue. A gente vem mantendo um padrão importante, que nos traz confiança, motivação. A gente espera que possa manter esse nível de concentração e trabalho porque o ano é longo e vamos precisar de todos para fazer um grande ano", afirmou Weverton.

O próximo compromisso do Palmeiras no Brasileirão será no próximo domingo, às 16 horas, contra a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó (SC). Antes disso, nesta quinta-feira, às 20 horas, o time alviverde recebe o Sampaio Corrêa no estádio Allianz Parque, em São Paulo, no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, após ter vencido por 1 a 0 no Maranhão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.