AFP PHOTO / THOMAS COEX
AFP PHOTO / THOMAS COEX

Willian e Oscar marcam em vitória do Chelsea contra o Maccabi

Ingleses dividem a liderança do Grupo F com o Porto 

Estadão Conteúdo

24 de novembro de 2015 | 20h16

Amargando péssima campanha nesta edição do Campeonato Inglês, o Chelsea voltou a dar um sinal de reação nesta terça-feira, mas desta vez em duelo válido pela Liga dos Campeões. Atuando fora de casa, a equipe londrina goleou o Maccabi Tel Aviv por 4 a 0, em Israel, com Willian e Oscar balançando as redes uma vez cada um, e ficou mais próximo de garantir classificação às oitavas de final da competição continental.

O resultado fez o time comandado por José Mourinho se igualar ao Porto na liderança do Grupo G, com dez pontos, pois a equipe portuguesa acabou decepcionando a sua torcida ao cair por 2 a 0 diante do Dínamo de Kiev e estacionar no torneio. Mas, por ter vencido o Chelsea por 2 a 1 na segunda rodada desta chave, o Porto se mantém na ponta, pois o confronto direto é o primeiro critério de desempate na Liga dos Campeões.

A goleada do Chelsea, porém, não pode ser considerada uma surpresa, pois o frágil Maccabi Tel Aviv ainda não somou pontos em cinco jogos nesta fase de grupos e já entrou em campo eliminado. Já o Dínamo de Kiev entrou de vez na luta por uma vaga nas oitavas de final ao chegar aos oito pontos na terceira posição.

Ou seja, a equipe ucraniana entrará na rodada final deste Grupo G precisando de uma vitória sobre o Maccabi Tel Aviv, em casa, e torcendo para que haja um vencedor na partida entre Chelsea e Porto, em Londres, em confrontos marcados para o dia 9 de novembro.

Na partida desta terça em Israel, o Chelsea abriu o placar aos 19 minutos do primeiro tempo. Após escanteio batido por Willian, Gary Cahill cabeceou, o goleiro defendeu parcialmente e o próprio zagueiro aproveitou o rebote para marcar.

Já o segundo gol da equipe inglesa saiu apenas aos 27 minutos da etapa final, com Willian voltando a marcar de falta, assim como fez na goleada sobre o mesmo Maccabi Tel Aviv, também por 4 a 0, em Londres, nesta fase de grupos da Liga dos Campeões.

E o terceiro gol veio logo depois, aos 31 minutos, com Oscar completando de cabeça um cruzamento da esquerda. Nos acréscimos, quando o 3 a 0 parecia estar fadado a ser o placar final, o Chelsea ainda fez o quarto com novo gol de cabeça, desta vez de Kurt Zouma ao desviar escanteio batido pela direita.

No outro duelo deste Grupo G, o Dínamo de Kiev garantiu o seu triunfo com um gol em cada tempo. Primeiro abriu o placar com Andriy Yarmolenko, cobrando pênalti, e depois deu números finais ao duelo ao balançar as redes com finalização cruzada de Derlis Gonzalez, na qual Casillas falhou ao espalmar para trás e ver a bola cair dentro da própria meta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.