Washington Alves/Divulgação
Washington Alves/Divulgação

Willian anota dois, Cruzeiro vence o Flu e se afasta da queda

Mineiros chegam aos 41 pontos com 2 a 0 e respiram na tabela

LEONARDO AUGUSTO, Estadão Conteúdo

18 de outubro de 2015 | 13h13

Depois de dois empates consecutivos, o Cruzeiro voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. O time derrotou o Fluminense por 2 a 0, na manhã deste domingo, em partida disputada no Mineirão pela 31.ª rodada da competição. Os dois gols foram marcados por Willian, que chegou a nove no torneio.

O resultado afasta ainda mais o Cruzeiro da zona do rebaixamento. A equipe mineira tem agora 41 pontos, contra 33 do Coritiba, o primeiro time na degola. Já o Fluminense, que vinha de vitória em casa contra o São Paulo, permanece com 40 pontos, agora atrás do seu algoz. O jogo em Belo Horizonte foi a última partida disputada no horário das 11h da manhã, conforme decisão da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

O JOGO

A primeira chance de gol foi do Fluminense, logo aos 2 minutos, com Scarpa finalizando para fora cruzamento da direita de Marcos Junior. Mas foi do Cruzeiro o domínio do jogo a partir desse momento. Aos 17 minutos, De Arrascaeta chutou forte para boa defesa de Cavalieri que, por cima do gol, jogou para escanteio. Sete minutos depois, Ceará cruzou da direita e o uruguaio, de peixinho, jogou para fora.

Na pressão, o Cruzeiro marcou aos 27 minutos. O zagueiro Manoel avançou pela direita e chutou para o meio da área. Willian parou a bola, ajeitou, girou e chutou no canto direito de Cavalieri para fazer 1 a 0.

Allano teve outra chance aos 38 minutos, em chute de frente para o gol de Cavalieri que passou por cima do travessão do guarda-meta tricolor. O Cruzeiro mantinha o controle do jogo, marcando bem, impedindo qualquer reação do time carioca.

O Cruzeiro marcou o segundo logo no início da etapa complementar, com Willian, que assinalou seu nono gol no Campeonato Brasileiro. O jogador recebeu de Allano na meia esquerda, avançou sem marcação e chutou no canto esquerdo de Cavalieri, aos 2 minutos.

Destaque da partida, Cavalieri impediu o terceiro do Cruzeiro aos 19 minutos. De Arrascaeta recebeu de Ariel na meia lua, dominou de costas, girou e bateu no canto direito, para excelente defesa do goleiro do Fluminense. Do outro lado, Fábio parecia muito mais um observador do que um jogador em campo. Em um das poucas chances da equipe carioca no segundo tempo, aos 36 minutos, Scarpa bateu falta da esquerda e Fabrício afastou.

Aos 47 minutos Leandro Damião dominou na grande área, tirou Cavalieri da jogada e mandou pra fora, mantendo, de forma inacreditável, seu jejum de gols.

O próximo compromisso do Cruzeiro é contra o Goiás no Serra Dourada, domingo às 18h. O Fluminense enfrenta o Atlético-PR no sábado no Maracanã às 17h.

FICHA TÉCNICA:

CRUZEIRO 2 X 0 FLUMINENSE

CRUZEIRO - Fábio; Ceará, Bruno Rodrigo, Manoel e Fabrício; Henrique (Charles), Willians e Ariel Cabral; Willian, De Arrascaeta (Leandro Damião) e Allano (Marcos Vinícius). Técnico - Mano Menezes.

FLUMINENSE - Diego Cavalieri; Gum, Marlon Santos (Vitor), Ayrton e Hilton Leite; Jean, Cícero, Gustavo Scarpa e Gerson (Oswaldo); Marcos Junior (Vinícius Alberto) e Fred. Técnico - Eduardo Baptista.

GOL - Willian, aos 7 minutos do primeiro tempo e aos 2 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - André Luiz de Freitas Castro (GO).

CARTÕES AMARELOS - Allano, Manoel (Cruzeiro) e Gum (Fluminense).

RENDA - R$ 1.189.145,00.

PÚBLICO - 38.577 pagantes.

LOCAL - Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroFluminenseBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.