Matt Dunham/AP Photo
Matt Dunham/AP Photo

Willian marca e conduz Chelsea à vitória sobre o Crystal Palace no Inglês

Equipe londrina conquista três pontos e pressiona o Tottenham na 4ª colocação

Estadão Conteúdo

10 Março 2018 | 17h06

Às vésperas de decidir seu futuro na Liga dos Campeões, o Chelsea contou mais uma vez com grande atuação do brasileiro Willian para vencer o Crystal Palace neste sábado por 2 a 1, em casa, no Stamford Brigde, em confronto válido pela 30.ª rodada do Campeonato Inglês.

+ Confira a tabela de classificação do Campeonato Inglês

+ Ex-Fluminense, Kenedy marca duas vezes e dá vitória ao Newcastle no Inglês

+ Com dois de Rashford, United derrota Liverpool e segue como vice-líder do Inglês

Os três pontos foram essenciais ao Chelsea, quinto colocado, para, agora com 56 pontos, pressionar o Tottenham, quarto, que tem 58 pontos e joga neste domingo. Os dois time e também o Liverpool, em terceiro, brigam para participarem da próxima edição da Liga dos Campeões. No momento, o Chelsea está na zona de classificação à Liga Europa, ao contrário dos rivais.

O Crystal Palace segue na zona de rebaixamento, na 17ª posição, com 27 pontos, e pode ser ultrapassado pelo Stoke City, penúltimo colocado, caso este empate ou vença o líder Manchester City na próxima segunda-feira

Em grande fase, Willian conduziu o time do técnico Antonio Conte à vitória, que não vinha há duas rodadas - perdeu para Manchester City e United nos últimos jogos. Ele fez o primeiro gol em chute rasteiro e participou, com um lindo corta-luz, da jogada que culminou no segundo gol, marcado contra, pelo zagueiro Kelly.

O resultado foi construído de certa maneira com facilidade pela boa atuação do time londrino, mas o triunfo foi ameaçado nos minutos finais. Após perder varas chances de gol, o Chelsea viu o adversário diminuir o placar aos 44 minutos da etapa final e sofreu uma pressão inesperada, tendo em vista a superioridade dos donos da casa em campo. Van Aanholt foi o autor do gol do Crystal Palace, que ensaiou uma pressão tardia, mas careceu de qualidade para buscar o empate. O goleiro brasileiro Diego Cavalieri esteve mais uma vez no banco de reservas da equipe.

Agora, o time de Londres vira a chave e volta todas as suas atenções para o duelo com o Barcelona, na próxima quarta-feira. No Camp Nou, na Espanha, as duas equipes decidem quem avança às quartas de final da Liga dos Campeões. O jogo de ida terminou empatado em 1 a 1, e por isso, o Chelsea precisa da vitória ou do empate com pelo menos dois gols para se classificar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.