Wolfsburg leva susto, mas ganha do Bayer Leverkusen e se mantém no G4 do Alemão

Após sair na frente e ceder o empate jogando em casa, o Wolfsburg conseguiu se recuperar na partida e buscar a vitória por 2 a 1 em cima do Bayer Leverkusen, neste sábado, e se manteve no G4 do Campeonato Alemão após 11 rodadas.

Estadão Conteúdo

31 de outubro de 2015 | 17h57

A partida era um confronto direto na briga por um lugar na zona de classificação para a Liga dos Campeões da Europa. Com o triunfo, o Wolfsburg assumiu a terceira posição com 21 pontos, mas ainda está longe de Bayern de Munique e Borussia Dortmund, que somam 31 e 26, respectivamente. Já o Bayer Leverkusen estacionou nos 17 pontos, na sétima posição.

O Wolfsburg abriu o placar aos 34 minutos do primeiro tempo, quando Bendtner recebeu cruzamento de Vieirinha e, sozinho na área, empurrou para as redes. O time visitante reclamou de impedimento na jogada, mas a arbitragem validou o lance.

Pouco depois, aos 40 minutos, o atacante Javier "Chicharito" Hernández apareceu para empatar o jogo de cabeça, após cruzamento da direita de Kramer. O mexicano alcançou a marca de quatro jogos consecutivos fazendo gols.

Somente aos 32 minutos do segundo tempo o Wolfsburg conseguiu retomar a vantagem no placar. O meia Draxler recebeu passe do holandês Bas Dost e, de carrinho, apareceu para selar a vitória por 2 a 1.

Agora as duas equipes se voltam à preparação para a fase de grupos da Liga dos Campeões no meio da semana. O Wolfsburg volta a campo nesta terça-feira contra o PSV Eindhoven, da Holanda, fora de casa. O Bayer Leverkusen joga no dia seguinte, quando vai à Itália para encarar a Roma.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.