Xabi Alonso é mais um denunciado na Espanha por fraude fiscal

Jogador do Bayern de Munique terá de se explicar

Estadão Conteúdo

26 de fevereiro de 2016 | 11h58

Mais um caso de jogador investigado na Espanha por crime fiscal estourou nesta sexta-feira. O volante Xabi Alonso, atualmente no Bayern de Munique, foi formalmente denunciado pelo promotor-chefe da cidade de Madri, José Javier Polo, por suposta fraude no pagamento de impostos.

José Javier Polo disse à agência de notícias The Associated Press que decidiu formalizar a denúncia depois de "encontrar evidência" de que Xabi Alonso deixou de pagar 3 milhões de euros (quase R$ 13 milhões segundo a cotação atual) em impostos entre 2009 e 2011, quando vestia a camisa do Real Madrid. Apesar da denúncia, só será decidido se um processo vai ser aberto contra o volante depois que um juiz avaliar o caso. Prontamente, Xabi Alonso divulgou comunicado oficial nesta sexta-feira no qual negava qualquer tipo de irregularidade.

"O jogador reitera com absoluta certeza que sempre cumpriu e segue cumprindo com todas e cada uma de suas obrigações fiscais. Do mesmo modo, manifestou e segue manifestando sua total disposição diante da Justiça no pleno convencimento de que suas atuações estão de acordo e sempre estarão de acordo com a legalidade vigente", diz a nota.

A investigação de supostos crimes fiscais de Xabi Alonso começaram no ano passado, quando ele e Javier Mascherano tiveram suas contas analisadas pela Justiça espanhola. O caso do volante do Barcelona caminhou mais rapidamente e no mês passado o jogador foi condenado a um ano de prisão e pagamento de multa de 800 mil euros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.