Yaya Touré é finalista e pode ser o melhor africano do ano pela 5ª vez seguida

A Confederação Africana de Futebol (CAF) anunciou nesta segunda-feira os três finalistas que brigam pelo prêmio de melhor jogador do continente de 2015. Um destes nomes é o do meio-campista Yaya Touré, do Manchester City, que pode ampliar sua hegemonia e faturar a honraria pela quinta vez consecutiva.

Estadão Conteúdo

14 de dezembro de 2015 | 18h22

Touré se firmou como um dos melhores jogadores do mundo no City e pode repetir os feitos de 2011, 2012, 2013 e 2014, quando levou o troféu. Além do ótimo desempenho com sua equipe, o meio-campista teve em 2015 destaque na campanha do título da Costa do Marfim na Copa Africana de Nações.

Mas para faturar o troféu dado pela CAF, Touré terá pela frente dois adversários de peso: o gabonês Pierre-Emerick Aubameyang e o ganês Andre Ayew. Jogador do Swansea, Ayew foi o líder de Gana na campanha do vice-campeonato na Copa Africana de Nações, com derrota para a Costa do Marfim na final. Seu destaque foi tanto, que foi contratado pelo time galês junto ao Olympique de Marselha.

Mas o principal concorrente de Touré parece ser mesmo Aubameyang. O atacante do Borussia Dortmund já havia sido o segundo colocado do prêmio em 2014 e apareceu ainda melhor em 2015. Nesta temporada, já marcou 26 gols em 25 partidas, se firmando como um dos grandes nomes do futebol europeu.

O prêmio de melhor jogador africano do ano é dado desde 1993 e já foi recebido por nomes como George Weah, Nwankwo Kanu, El Hadji Diouf, Samuel Eto''o, Didier Drogba, entre outros. O vencedor de 2015 será conhecido após votação dos técnicos e diretores das seleções nacionais do continente. A festa de entrega do prêmio acontecerá no dia 7 de janeiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.