Lucas Merçon/Fluminense
Lucas Merçon/Fluminense

Yuri é apresentado no Flu e festeja nova chance de trabalhar com Fernando Diniz

Volante foi treinado pelo treinador no Audax, em 2016, quando foi vice-campeão paulista

Redação, Estadão Conteúdo

09 de maio de 2019 | 17h16

Yuri não escondeu a felicidade por poder voltar a trabalhar com o técnico Fernando Diniz. O jogador, emprestado pelo Santos, foi apresentado nesta quinta-feira pelo Fluminense e já planeja fazer a sua estreia no clássico contra o Botafogo, neste sábado, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro.

"O Diniz deixa todo mundo bem tranquilo. Estou à disposição dele para quando ele quiser. Se ele me escalar, vamos embora. Estou preparado inclusive fisicamente. Estou é feliz e ansioso para voltar a jogar novamente", disse o volante, que atuou com o treinador no Audax em 2016, quando foram vice-campeões do Campeonato Paulista.

Em condições de jogo, Yuri pode herdar uma vaga de Airton e Bruno Silva, volantes titulares que estão machucados, diante do Botafogo. E até se colocou à disposição para atuar em outra função, se necessário. "Eu me sinto bem tranquilo nas duas possibilidades de atuar como volante. Eu até já joguei de zagueiro. Diniz sabe que pode contar comigo do meio para trás", afirmou.

Yuri afirmou que a sua saída do Santos veio em um bom momento, pois não tinha grandes chances com o técnico argentino Jorge Sampaoli. "Não tive sequência lá devido a quem estava jogando. O pessoal estava bem. Acho que é isso. Aqui estou na luta de novo para ter espaço. Vou trabalhar no dia a dia", comentou.

Apesar de ter deixado o time da Vila Belmiro, Yuri elogia o treinador argentino e também Fernando Diniz. "Realmente, Sampaoli e o Diniz têm ideias parecidas. Eles são disparados os melhores no Brasil hoje. Colocam as ideias sem medo mesmo que aqui se cobre muito o resultado", disse.

O Fluminense é o 13.º colocado do Brasileirão, com apenas três pontos. O time das Laranjeiras venceu uma vez (5 a 4 contra o Grêmio, em Porto Alegre, no último domingo) e perdeu outras duas (Santos e Goiás).

Tudo o que sabemos sobre:
FluminensefutebolFernando DinizYuri

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.