Zagueiro Betão diz que choro não foi desabafo

Jogador comemora sua primeira vitória sobre o São Paulo e espera recuperação do Corinthians

07 de outubro de 2007 | 19h29

Autor do gol da vitória por 1 a 0 diante do São Paulo, o zagueiro Betão não escondeu sua emoção, uma vez que comemora sua primeira vitória sobre o adversário após 14 jogos. "Estou muito emocionado pelo gol feito, pois muitos nos vêem apenas como jogadores, não como uma pessoa que gosta do clube."   Veja também: Classificação Calendário / Resultados Vitória no clássico dá moral para o Corinthians fugir do rebaixamento? Derrota para o Corinthians pode abalar o São Paulo na reta final do Brasileirão? Volante corintiano sai desacordado de campo no clássico Vampeta comemora quebra de jejum, mas prega cautela Nelsinho Baptista animado com recuperação do Corinthians Alex Silva diz que o São Paulo 'desrespeitou' o Corinthians Zagueiro Betão diz que choro não foi desabafo Muricy Ramalho diz que empate seria o resultado mais justo   Além de marcar o gol, Betão comemora sua primeira vitória sobre o São Paulo. O jogador esteve presente nos 14 jogos que o Corinthians não venceu. "Meu choro após o gol não foi um desabafo, mas só quem vive o que eu vivi para saber o que aquilo [choro] representa. Eu sofri muito, ouvi muitas coisas de torcedores, como gozações, e espero que isto tenha terminado, pois eu nunca deixei de gostar do Corinthians."   Já sobre a situação do clube no Brasileirão, Betão acredita que a vitória dará força ao grupo. "Uma vitória como esta, justamente em cima do São Paulo, certamente dará ânimo para os próximos jogos, pois nossa situação ainda é delicada."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.