Zagueiro Bruno Aguiar recusa proposta e deixa Guarani

O zagueiro Bruno Aguiar não renovará seu contrato com o Guarani. Um dos destaques do time na campanha do acesso na Série B do Campeonato Brasileiro, o defensor não aceitou a oferta do clube de Campinas e deve mesmo ir para o Santos, maior interessado em sua contratação.

AE, Agencia Estado

18 Dezembro 2009 | 15h25

O empresário do zagueiro, Adriano Spadotto, confirmou que a renovação não vai acontecer. Os motivos não foram divulgados, mas estão ligadas ao lado financeiro,

já que a proposta do Santos seria maior do que a do Guarani. Spadotto comunicou a saída do defensor à diretoria nesta sexta-feira.

O presidente do Guarani, Leonel Martins de Oliveira, ofereceu um contrato mais longo a Bruno Aguiar para tentar mantê-lo no clube, mas o atleta se recusou a aceitar um novo compromisso.

O jogador chegou ao Guarani em abril de 2009, após se destacar com a camisa do Mirassol no Campeonato Paulista. No time de Campinas, o zagueiro foi titular absoluto da

defesa, ao lado de Dão ou Márcio Alemão, e marcou dois gols, um deles no clássico contra a Ponte Preta.

Depois de obter o acesso à elite do futebol brasileiro, o Guarani vai se preparar agora para disputar a Série A-2 do Campeonato Paulista em 2010. A estreia da equipe será no dia 13 de janeiro, contra o Osvaldo Cruz, fora de casa.

Mais conteúdo sobre:
futebolGuaraniSérie A-2

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.