Zagueiro Fabão não é aprovado em exame médico no Santos

Tempo de recuperação de lesão no tornozelo direito do Jogador é considerado longo demais pelo clube

09 de janeiro de 2008 | 11h09

Com quase tudo acertado para jogar no Santos, o zagueiro Fabão - ex-São Paulo e que estava no japonês Kashima Antlers - não foi aprovado no exame médica realizado no clube da Vila Belmiro. Veja também: Betão se diz feliz ao voltar a trabalhar com Leão "Não é que o Fabão tenha sido vetado, ele foi examinado e constatamos um problema sério no tornozelo direito. O período de recuperação dele será muito grande", explicou o médico do Santos, Carlos Braga. Especulações apontam o período de recuperação do jogador seria de três meses. "Cabe a diretoria avaliar se vale a pena contratar ou não um jogador no estado em que o Fabão se encontra, que n]ão está pronto para jogar imediatamente", acrescentou Braga.  Fabão era um dos principais nomes na lista de reforços do técnico santista Emerson Leão, que tinha o desejo de formar a zaga de sua equipe com seu ex-comandado dos tempos de São Paulo e Betão, ex-Corinthians, que assinou com o clube da Vila Belmiro na terça-feira. "Se não der certo com nenhum time no Brasil, ele volta para o Japão para se recuperar e seguirá seu trabalho no mercado Japonês", concluiu o empresário do jogador, Guga Amorim.

Tudo o que sabemos sobre:
Santos FCFabão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.