Damian Strohmeyer/AP
Damian Strohmeyer/AP

Zagueiro francês é afastado do Valencia

Por declarações contra seu técnico e os jogadores, Rami ficará fora do jogo contra o Granada

O Estado de S. Paulo

25 de setembro de 2013 | 09h34

SÃO PAULO - Após fazer declarações ofensivas contra seus companheiros, o técnico do Valencia, Miroslav Djukic afastou o zagueiro Adil Rami, da partida contra o Granada, que acontecerá nesta quarta-feira, pelo Campeonato Espanhol.

Em entrevista dada à rádio Cadena Ser, o defensor, titular também da seleção francesa criticou o seu treinador e também os seus companheiros de clube.

"Não falo de Djukic. É o chefe do barco, mas veremos onde estaremos no fim da temporada. Minha relação com ele não é boa", apontou Rami, que na entrevista, também criticou seus companheiros, dizendo que no vestiário "não há mais jogadores que falam na cara" depois das saídas de David Albelda, Tino Costa e Roberto Soldado.

Após as declarações, o Valencia lançou um comunicado oficial em seu site onde confirma o afastamento do zagueiro da partida contra o Granada. Para o seu lugar, Djukic convocou o volante Oriol Romeu, jogador emprestado pelo Chelsea.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.