Zagueiro prevê 'feriado' em caso de título do Palmeiras

Maurício Ramos afirma que a torcida deve festejar bastante caso o time conquiste a Copa do Brasil, pois clube aguarda há anos pelo título

DANIEL AKSTEIN BATISTA, estadão.com.br

18 de junho de 2012 | 20h04

SÃO PAULO - A briga pelo título da Copa do Brasil é que o explica a má campanha do Palmeiras no Campeonato Brasileiro na opinião dos jogadores - nenhuma vitória e dois pontos em cinco jogos. "Estamos focados nesse jogo contra o Grêmio (quinta-feira, na Arena Barueri)", disse Maurício Ramos, que chegou a exagerar ao falar do atual sentimento da torcida alviverde.

"Faz 10 anos que o Palmeiras necessita de um título de expressão. Se isso acontecer, vai ser feriado nacional", declarou o zagueiro. "O Palmeiras amadureceu com tantas pancadas que levou."

Bastante concentrado, Maurício Ramos não quer nem imaginar no que poderia acontecer caso o Grêmio revertesse o placar e conseguisse a classificação para a final, após ter levado dois gols no Olímpico. "Seria uma tragédia demais, muito terrível", avisou o zagueiro.

Maurício Ramos é um dos jogadores que estão há mais tempo no Palmeiras - só perde para os goleiros Bruno e Deola. Conhecedor do clube, ele garante que todos estão focados em busca do título nacional. "Só estamos pensando nisso, mas para acontecer temos de brigar o jogo inteiro", afirmou. "Não podemos errar porque o Grêmio tem bons jogadores."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasCopa do Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.