Zaytsev e Savin, a melhor dupla da história do vôlei

Vyacheslav Zaytsev e Aleksandr Borisovich Savin formaram a melhor dupla da história do vôlei masculino. Zaytsev era o levantador e Savin, o meio de rede. A jogada rápida junto à rede era mortal para os adversários. A sincronia perfeita fazia com que a bola batida por Savin fosse indefensável.

O Estado de S.Paulo

31 de março de 2016 | 07h00

Juntos, foram campeões olímpicos em Moscou-1980, levando para a União Soviética a medalha de ouro perdida quatro anos antes para a Polônia. Zaytsev teve uma carreira mais longa. O primeiro título internacional foi em 1971, no Campeonato Europeu, disputado na Itália. Depois, vieram mais seis conquistas continentais: Iugoslávia-1975; Finlândia-1977; França-1979; Bulgária-1981; Alemanha Oriental-1983; e Holanda-1985. 

Em campeonatos mundiais, Zaytsev somou mais dois ouros (Itália-1978 e Argentina-1982), a segunda conquista foi diante da seleção brasileira, formada por William, Bernard, Xandó, Amauri, Renan e Montanaro. E duas pratas (México-1974 e França-1986).

A última participação de Zaytsev em competições internacionais foi em Seul-1988, ao ficar com o vice-campeonato olímpico, depois de ser superado pelos Estados Unidos, de Karch Kiraly.

Ivan, filho de Zaytsev, joga no vôlei italiano e foi medalha de bronze em Londres-2012. Savin teve menos jogos pela seleção soviética, por causa de lesões, mas também ganhou o ouro em 1980.

MARACANÃ

Apesar de somarem uma quantidade imensa de medalhas por todo o mundo, Zaytsev e Savin consideram um jogo amistoso como um dos momentos mais marcantes em suas vidas. Em 26 de julho de 1983, diante de 95.887 pagantes, no Maracanã, Zaytsev e Savin lideraram a a seleção soviética mais uma vez contra o Brasil. 

Debaixo de um verdadeiro dilúvio, a seleção brasileira venceu por 3 sets a 1, com parciais de 14-16, 16-14, 15-7 e 15-10.

Com imenso espírito esportivo, as lendas soviéticas se ajoelharam na quadra molhada e tentaram secá-la com a ajuda de toalhas. As imagens ficaram eternizadas.

Depois da era Zaytsev e Savin, o vôlei russo só voltou a ganhar a medalha de ouro em Londres-2012, ao bater a seleção brasileira na decisão, em uma virada sensacional.

Tudo o que sabemos sobre:
VôleiOlimpíada

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.