Zé Carlos marca mais um e CRB bate Paraná por 2 a 0

Sem aspirações na reta final da Série B do Campeonato Brasileiro, o CRB venceu o Paraná, que ainda corre risco de rebaixamento, por 2 a 0 nesta terça-feira à noite, no Estádio Rei Pelé, com um gol em cada tempo da partida, válida pela 35.ª rodada.

Estadão Conteúdo

11 Novembro 2015 | 00h08

Artilheiro da competição, Zé Carlos abriu a contagem na primeira etapa e chegou ao seu 18.º gol. Nos acréscimos do segundo tempo, Clebinho deu números finais à vitória que deixou o time alagoano com 50 pontos, sete a mais que o Paraná, que vê acender o alerta de rebaixamento, já que soma 43 pontos, em 13.º lugar, quatro pontos a mais que o Macaé, primeiro dentro da zona da degola.

Enganou-se quem pensou que, pela falta de aspirações dos dois times nesta reta final, os dois times fariam um jogo fraco e sonolento. A despeito de não ter mais pelo o que brigar na competição, os dois times protagonizaram uma partida movimentada, com boas chances para os dois lados.

Apesar de jogar fora de seus domínios, o Paraná começou melhor, dominando as ações e ameaçando o CRB três vezes em pouco menos de 15 minutos. Acuados, os donos da casa, no entanto, mudaram a postura e equilibraram a partida. Mais agressivo, o time alagoano fez o que os paranaenses não conseguiram: o gol.

O único gol etapa inicial não poderia sair dos pés de outro jogador que não Zé Carlos. Aos 38 minutos, o artilheiro da Série B, que já tinha desperdiçado uma oportunidade, recebeu dentro da área e chutou forte, marcando seu 18.º gol.

Ao contrário da primeira etapa, o segundo tempo foi pouco movimentado e tanto o CRB perdeu força em busca do segundo gol, como o Paraná pouco fez para buscar, ao menos, o empate fora de casa. Mesmo sem o ímpeto ofensivo dos 45 minutos iniciais, foi o time da casa que pressionou mais.

Se não fosse o goleiro Marcão, que evitou duas pancadas de fora da área de Maxwell e Jussani, o prejuízo ao time paranaense seria maior. Aos 47 minutos, entretanto, Marcão defendeu mais uma, mas, no rebote, Clebinho ampliou com categoria e deu números finais ao placar.

Na próxima rodada, a antepenúltima, o CRB vai ao Recife (PE), onde enfrenta o Náutico na Arena Pernambuco, sábado, às 17h30. No mesmo dia, mas às 21 horas, o Paraná recebe o vice-líder América-MG no estádio Durival Britto, em Curitiba (PR).

FICHA TÉCNICA:

CRB 2 X 0 PARANÁ

CRB - Juliano; Bocão, Audálio, Diego Jussani e Pery; Olívio, Josa, Brasília (Clebinho), Danilo Bueno e Gerson Magrão (Maxwell); Zé Carlos (Isac). Técnico - Mazola Júnior.

PARANÁ - Marcos; Anderson Uchôa, Zé Roberto, Luciano Castán e Yan (Carlão); Fernandes, Rosinei, Ricardinho (Hélder), Éder (Lucas Pará) e Rafael Costa; Henrique. Técnico - Fernando Miguel.

ÁRBITRO - Rodrigo Carvalhães de Miranda (RJ).

GOLS - Zé Carlos, aos 18 minutos do primeiro tempo, e Clebinho, aos 47 do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Josa, Maxwell, Isac e Danilo Bueno (CRB); Anderson Uchoa, Rosinei e Hélder (Paraná).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).

Mais conteúdo sobre:
futebol CRB Paraná Brasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.