Zé Mário muda o "astral" do Guarani

O time do Guarani que entra em campo no próximo domingo para enfrentar o São Caetano no ABC será bem diferente daquele derrotado pelo São Paulo na quarta-feira. Ao todo, três mudanças deverão ser feitas pelo técnico Zé Mário, que pretende mudar o "astral do time".O zagueiro Aderaldo, que cumpriu suspensão contra o Tricolor, tem volta garantida em lugar de Gláuber. Além deles, o zagueiro Sangaletti e o atacante Léo, de apenas 17 anos, recuperados de contusão, devem ser escalados pelo treinador. Sangaletti, um dos mais experientes do elenco, ainda não sabe em que posição deverá enfrentar o São Caetano. "Sempre disse que minha posição de origem é a zaga, onde posso render mais para o time. Mas joguei como volante por dois anos no Náutico e Sport, e não me assusta mais ser improvisado", garantiu.Outro que deve ter retorno garantido é o atacante Léo. O jogador participou da estréia do Bugre no Rio-São Paulo, quando venceu o Bangu por 1 a 0 e acabou se machucando. Agora, recuperado, deverá fazer dupla de ataque com Dudu, artilheiro do time na temporada, com três gols. Com isso, Marcinho volta ao banco de reservas."Estou recuperado e pronto para jogar. Agora só depende do técnico Zé Mário escalar-me ou não", despistou. A novidade poderáser a presença do atacante Zé Afonso no banco de reservas. Sua documentação estava praticamente liberada. A definição do time que enfrenta o São Caetano no estádio Anacleto Campanella deve ocorrer apenas antes do jogo. O Guaraniprecisa da vitória para deixar a incômoda 11ª posição na tabela de classificação, com apenas quatro pontos. O pior paulista dotorneio será rebaixado e deverá disputar o Campeonato Paulista em 2003.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.