Zé Mário não dirige mais o Figueirense

Zé Mário está fora do comando do Figueirense. Após uma reunião da diretoria do clube catarinense com o técnico, no final da manhã desta terça-feira, foi acertada a saída do treinador. Os dirigentes alegam que assuntos internos motivaram a demissão de Zé Mário, que dirigiu o time em sete jogos neste Campeonato Brasileiro. Nesse período, o treinador, que havia substituído Marco Aurélio, conseguiu duas vitórias (Juventude e São Paulo), três empates (Fluminense, Coritiba e Brasiliense) e duas derrotas (Fortaleza e Vasco). A equipe fez 13 gols e sofreu 12. A diretoria corre atrás agora de um novo técnico. O objetivo é que ele seja contratado até o final de semana. O próximo compromisso do Figueirense será contra o Santos, no domingo, na Vila Belmiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.