Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Paulo Fernandes/Vasco.com.br

Zé Ricardo celebra empate no clássico e destaca evolução do Vasco

Cruzmaltino empatou com o rival Flamengo por 1 a 1 no Maracanã na noite deste sábado pelo Brasileirão

Estadão Conteúdo

20 de maio de 2018 | 10h58

Em baixa após péssimos resultados no Brasileirão, na Copa do Brasil e na Libertadores, o Vasco celebrou bastante o ponto conquistado diante do Flamengo, sábado, pelo Campeonato Nacional. O empate por 1 a 1 desagradou o time rubro-negro, mas foi visto com bons olhos pelo lado cruzmaltino, como deixou claro o técnico Zé Ricardo.

Confira a tabela do Campeonato Brasileiro

Flamengo e Vasco empatam clássico sem brilho e com 4 expulsos

TEMPO REAL: Flamengo 1 x 1 Vasco

"Foi um jogo difícil. Era um partida importante para a gente, ainda mais depois da derrota que tivemos para o Vitória. Tínhamos que pontuar de qualquer forma hoje. Destaco a nossa inteligência na partida. Houve uma cobrança nossa para a melhora do rendimento, e acredito que os jogadores conseguiram dar uma resposta. Enfrentamos uma equipe muito qualificada e que está atravessando um bom momento", declarou.

O Vasco vinha sendo muito criticado pela torcida, principalmente pelo seu desempenho defensivo nas últimas partidas. Por isso, mais do que o resultado, Zé Ricardo escancarou sua satisfação com a atuação de seus comandados no sábado.

"Nossa equipe foi muito organizada e poderia até ter saído com a vitória. Temos que continuar trabalhando. Nosso momento ruim ainda não passou, mas só deixaremos ele para trás com muita dedicação e trabalho. Hoje, nós fomos competentes e parabenizei o time por isso. Fiquei muito feliz com o grupo, que vem honrando essa camisa. Quero agradecer ao torcedor que veio também. Vamos procurar reconquistar os que não vieram hoje", comentou.

A lamentar, somente as lesões de Wagner e Thiago Galhardo, que precisaram ser substituídos no clássico. "O Wagner e o Thiago sentiram um pouquinho o ritmo de jogo. Eles ficaram um tempo parados por conta de lesões musculares. Era natural que sentissem e já esperávamos por isso. O importante é que tiveram boa atuação e fizeram o que pedi quando estiveram em campo. Havia pedido aos dois para manter a pressão alta."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.