Gilvan de Souza/Flamengo
Gilvan de Souza/Flamengo

Zé Ricardo elogia Flamengo após eliminação e já cobra foco na Libertadores

Técnico prefere deixar resultado contra o Vasco para trás e pensa confronto diante do Atlético-PR

Estadão Conteudo

09 de abril de 2017 | 10h18

A queda do Flamengo na semifinal da Taça Rio, com o empate por 0 a 0 contra o Vasco, não impediu que o técnico Zé Ricardo mostrasse sua satisfação com a exibição da equipe e o empenho dos jogadores. Após o apito final, o treinador fez questão de elogiar seus comandados, apesar da partida pouco empolgante e sem tantas oportunidades criadas no Maracanã.

"Procuramos o gol desde o início, isso ficou mais evidente no segundo tempo. Fiquei feliz pelo empenho de todo mundo. Mostramos uma equipe que quis buscar o jogo. Agradeço a torcida pelo reconhecimento após o jogo, que aplaudiu o time. Agora é focar e se preparar para quarta-feira", declarou.

Mal havia encerrado sua participação na Taça Rio, Zé Ricardo esqueceu o Campeonato Carioca momentaneamente e cobrou foco do Flamengo na Libertadores. Depois de vencer o San Lorenzo e perder para a Universidad Católica, o time carioca terá pela frente na quarta o Atlético-PR, no Maracanã.

"Precisamos da vitória, na Libertadores é fundamental vencer em casa. O Atlético-PR é um adversário difícil e que vem fazendo boas partidas, jogando bem. Temos que estudar as características deles. A torcida, que vai comparecer em massa na quarta-feira, vai ver uma equipe bem organizada e com muita vontade", prometeu o treinador.

Zé Ricardo também fez as primeiras análises do adversário e disse esperar os paranaenses com postura defensiva. "Temos que ocupar os espaços, tentar sair das formações que o adversário nos coloca. Vejo que o Atlético-PR pode assumir uma postura parecida (com a do Vasco), mas também tem jogadores para jogar mais adiantados, como jogam em casa."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.