Gilvan de Souza / Flamengo
Gilvan de Souza / Flamengo

Zé Ricardo quer time atento e bem preparado para pegar o Palestino

Flamengo entra em campo nesta quarta-feira pela Copa Sul-Americana

Estadão Conteúdo

04 de julho de 2017 | 23h18

O técnico Zé Ricardo já avisou. Mesmo com alguns desfalques, por conta do desgaste físico, quer o Flamengo atento e bem preparado para a estreia na Copa Sul-Americana, nesta quarta-feira, em Santiago, no Chile, contra o Palestino, algoz rubro-negro na competição em 2016. Nesta terça, em entrevista coletiva após o treinamento, o treinador sabe que seu time terá de correr para obter um bom resultado.

"Futebol chileno de muita velocidade e intensidade. Apesar da troca de jogadores e do treinador, acho que não perdem essa característica e certamente vai ser um jogo bem difícil. A ideia, quando deixamos atletas no Rio, é ter aqueles que estão aqui 100%. Com o tanque cheio. Porque esperamos isso do Palestino amanhã (quarta-feira). Certamente será um jogo bem difícil", disse Zé Ricardo.

Para este jogo em Santiago, o técnico rubro-negro resolveu arriscar e deixou no Rio vários titulares pensando no clássico contra o Vasco, neste sábado, no estádio de São Januário, pelo Campeonato Brasileiro. O meia Diego e o atacante peruano Guerrero estão nesta lista. Assim, a opção é por um time misto contra o Palestino.

Zé Ricardo falou também sobre a situação do meia argentino Darío Conca, que não viajou para o Chile. "Temos grupo grande e competitivo. Contamos com Conca. Nessa momento trouxemos outro jogador da função (Everton Ribeiro) e ele continua se preparando para quando tiver oportunidade ajudar a gente. Está inscrito porque faz parte da nossa ideia na frente. Estamos tranquilos em relação ao desenvolvimento dele. O clube está preparado, sempre preparou a melhor programação. Estamos sempre trabalhando e observando o rendimento. Neste momento, a gente optou por outro atleta na posição. Mas não descarta ele em hipótese alguma", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.