Zé Roberto não treina e Jorginho faz mistério no Bahia

Animado com a boa sequência de resultados no segundo turno contra adversários considerados difíceis - triunfos contra São Paulo, Santos e Vasco, os dois últimos fora de casa, e empate com o Atlético Mineiro -, que garantiram dez pontos dos últimos 12 disputados, o Bahia está confiante para a partida contra o Sport, nesta quarta-feira, às 20h30, no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, pela 24.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

TIAGO DÉCIMO, Agência Estado

12 de setembro de 2012 | 08h54

O técnico Jorginho, porém, mantém um discurso cauteloso ao analisar o jogo. "Temos de respeitar (o Sport) porque é um time que está em uma situação delicada (ocupa a 17.ª posição, com 22 pontos), mas é perigoso e muito bem treinado", avaliou.

Jorginho, que já não ia contar com o volante Fahel para a partida, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, ganhou um problema nesta terça. O meia Zé Roberto reclamou de dores musculares e não treinou. Com isso, o técnico resolveu fazer mistério sobre a escalação. "Vamos esperar até antes do jogo para definir", disse.

Para a vaga de Fahel, a escolha deve ficar entre os volantes Victor Lemos e Fabinho. Já o meia-atacante Mancini deve ser o titular caso Zé Roberto não tenha condições de jogo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoBahia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.