Marcos Brindici/Reuters
Marcos Brindici/Reuters

Zebra: Defensor elimina Boca Juniors em pleno La Bombonera

Time uruguaio joga como gigante, faz 1 a 0 e garante vaga nas quartas de final da Copa Libertadores

AE e EFE,

21 de maio de 2009 | 22h09

Nem o mais pessimista dos torcedores argentinos poderia imaginar. Na noite desta quinta-feira, o modesto Defensor Sporting, do Uruguai, jogou como gigante e derrotou o Boca Juniors, em pleno La Bombonera, por 1 a 0.

 

Veja também:

especialVisite o canal especial da Libertadores

lista Libertadores - Calendário/Resultados

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão

 

Com o resultado, o time uruguaio garantiu vaga nas quartas de final da Copa Libertadores e terá pela frente outro argentino: o Estudiantes de la Plata, que eliminou o Libertad, do Paraguai, nas oitavas.

 

O único gol do jogo foi marcado pelo meia-atacante Diego de Souza, aos 27 da primeira etapa, e foi suficiente para garantir o Defensor na próxima fase, já que na partida de ida, no Uruguai, as equipes tinham empatado em 2 a 2.

 

Antes desta quinta-feira, o Boca Juniors só havia sido eliminado nas oitavas-de-final da Libertadores uma vez, em 1989, justamente na primeira temporada em que o formato atual foi adotado, com 16 finalistas e mata-mata. Na ocasião, o time caiu diante do Olímpia, nos pênaltis, por 7 a 6, também em La Bombonera.

 

A surpreendente eliminação do Boca Juniors, principal força argentina, pode ser benéfica para o Palmeiras, que evitaria um possível confronto nas semifinais. O time de Luxemburgo, se passar pelo Nacional (URU), deve pegar o ganhador de Defensor e Estudiantes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.