Ivan Storti|Santos FC
Ivan Storti|Santos FC

Zeca defende Lucas Lima após críticas da torcida do Santos

'Ele estava com muita dor e se sacrificou para poder jogar', diz lateral-esquerdo

Estadao Conteudo

17 Fevereiro 2017 | 19h10

Meio-campista da seleção brasileira, Lucas Lima sofreu duras críticas da torcida do Santos durante e depois a derrota para o São Paulo, quarta-feira, por 3 a 1. Foi ele quem perdeu a bola que originou o segundo gol tricolor na Vila Belmiro e alguns torcedores não perdoaram, ameaçando o jogador após a partida.

Nesta sexta-feira, o lateral-esquerdo Zeca concedeu entrevista coletiva e defendeu o companheiro. "Todos têm que ressaltar que ele vinha tratando tornozelo em dois períodos, vinha com dor, e tomou pancada do Thiago Mendes no joelho. Ele estava com muita dor e se sacrificou para poder jogar", revelou.

"Lucas Lima tem muita personalidade, sorri sempre. Ele já entrou machucado em final. (A torcida) está caindo muito em cima dele, não é justo", completou Zeca, garantindo que o meia tem "total apoio" do elenco.

O Santos volta a jogar neste sábado, às 19h30, em casa, contra a Ferroviária, quando poderá com Ricardo Oliveira e David Braz, inscritos no Campeonato Paulista. Vanderlei, Renato e Vladimir Hernández desfalcam a equipe.

O colombiano, aliás, deverá ser o 27.º jogador a ser inscrito no Paulistão, assim que toda sua documentação chegar. Só uma vaga ficará aberta e ela deverá ser de Thaciano, meia promovido do Santos B.

Um dos concorrentes a essa vaga era o meia Serginho, que nesta sexta-feira deixou a Vila Belmiro para reforçar o Santo André por empréstimo. Antes dele, Alison foi emprestado ao Red Bull Brasil, Fernando Medeiros ao Botafogo de Ribeirão Preto e Lucas Crispim ao Ituano.

Mais conteúdo sobre:
Santos FC futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.