Ivan Storti/Santos FC
Ivan Storti/Santos FC

Zeca projeta Santos ofensivo para vencer o Palmeiras mesmo fora de casa

Lateral pede que vice-líder do Brasileirão tenha posse de bola contra o rival

Estadão Conteúdo

28 de setembro de 2017 | 17h30

O lateral-esquerdo Zeca, do Santos, entende que o time deverá atuar de forma ofensiva diante do Palmeiras, no estádio Allianz Parque, em São Paulo, neste sábado, às 19 horas, em partida válida pela 26.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jogador demonstrou confiança nos companheiros para vencer o clássico.

+ Vladimir renova com o Santos até 2020 e celebra reconhecimento

"Vamos em busca. Vamos para jogar para frente. O Santos sempre jogou para frente. Estamos em busca de algo grande no campeonato. Depois da Libertadores foi conversado isso. Mostrar o futebol lá dentro, impor o nosso trabalho em cima do Palmeiras para poder sair com um bom resultado. Vamos jogar o nosso futebol, toque de bola, para frente, marcação em cima", projetou o lateral-esquerdo.

Zeca espera quebrar o tabu de ainda não ter vencido o rival na arena palmeirense, prevê uma partida bastante acirrada e revela o sonho do elenco santista pelo título do Brasileirão. O Santos é o segundo colocado, 10 pontos atrás do líder Corinthians (54 a 44).

"Não vou falar em guerra, mas dentro de campo todo mundo vai lutar. É um clássico. O Santos busca muita coisa no campeonato, o Palmeiras também. Pelo Corinthians estar lá em cima, temos que buscar jogo a jogo. E esse é um jogo para todo mundo mostrar que o Santos é grande e pontuar fora de casa. Não é só tabu, mas é o campeonato que pensamos em ser campeão", enfatizou o lateral-esquerdo em entrevista coletiva nesta quinta-feira, no CT Rei Pelé, em Santos.

Para o duelo contra o Palmeiras, o técnico Levir Culpi, que comandou um treinamento fechado para a imprensa nesta quinta-feira, ainda não tem certeza se poderá contar com o volante Renato. Com uma lesão no tornozelo, o atleta não participou do treinamento. Já o meia Lucas Lima, com uma lesão muscular na coxa, é desfalque certo para o clássico. O argentino Emiliano Vecchio pode ocupar a vaga na armação da equipe.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.