Tim Chong/Reuters - 06/09/2011
Tim Chong/Reuters - 06/09/2011

Zico deixa o cargo de técnico do Iraque

Jogador anunciou a saída em site oficial e disse que federação do país descumpriu o contrato

O Estado de S. Paulo

27 de novembro de 2012 | 22h59

SÃO PAULO - O ex-jogador Zico, de 59 anos, não é o mais o técnico da seleção do Iraque. Nesta terça-feira o ídolo do Flamengo publicou em seu site oficial um comunicado para anunciar a saída do cargo.

"Enviei comunicação oficial à Fifa, entidade máxima do futebol mundial, e à IFA, que é a associação iraquiana de futebol, declarando que considero meu contrato rescindido por descumprimento da IFA. Em breve prestarei mais esclarecimentos", diz o texto da nota.

Zico estava como treinador da equipe desde 2011. O Iraque está na quarta fase das Eliminatórias Asiáticas para a Copa do Mundo de 2014 em terceiro lugar no Grupo B, com cinco pontos. Com a mesma pontuação mas um jogo a menos está a Austrália, a segunda colocada. O Japão é o líder, com 13.

A última partida do técnico no comando do Iraque foi a derrota por 6 a 0 para o Brasil em amistoso disputado no mês de outubro.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolIraqueZicoCopa 2014

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.