Matthias Balk/AP
Matthias Balk/AP

Zidane comemora virada, mas lembra vacilo contra Juventus para pregar cautela

Real Madrid larga na frente do Bayern nas semis com vitória por 2 a 1, fora de casa

Estadão Conteúdo

25 de abril de 2018 | 19h34

O técnico do Real Madrid, Zinedine Zidane, comemorou a virada sobre o Bayern de Munique nesta quarta-feira por 2 a 1, fora de casa, mas lembrou do sofrimento contra a Juventus para explicar que a classificação à final da Liga dos Campeões ainda está longe de ser confirmada.

+ TEMPO REAL - Bayern de Munique 1 x 2 Real Madrid

+ Técnico do Bayern lamenta erros e chances perdidas contra o Real

"A partida contra a Juve serviu de alerta que precisamos nos comportar de maneira diferente em casa. Se não mudarmos, corremos o risco de nos complicar", afirmou. Nas quartas de final, depois de vencer o jogo de ida fora de casa por 3 a 0, o Real Madrid vacilou em casa e deixou a Juventus abrir 3 a 0 em pleno Santiago Bernabéu.

O gol salvador do time espanhol veio no final da partida em um pênalti polêmico. Nesta quarta-feira, o Real Madrid saiu atrás do marcador, mas depois conseguiu a virada. O brasileiro Marcelo empatou com um golaço - bateu cruzado de primeira de fora da área. A virada veio com Asensio.

"Sofremos muito, do início ao fim. Mas conseguimos um bom resultado", prosseguiu Zidane. "No entanto, também é preciso reconhecer que não dá para jogar uma Liga dos Campeões sem sofrer", emendou o treinador.

O duelo de volta da semifinal entre Real Madrid e Bayern de Munique acontecerá na próxima terça-feira, às 15h45, no Santiago Bernabéu. O time espanhol avança à decisão com qualquer igualdade. "Vamos ter que lutar. Está tudo em aberto", finalizou Zidane.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.