Chema Moya/EFE
Chema Moya/EFE

Zidane diz que excesso de partidas é 'loucura' e se preocupa com jogadores

Real Madrid enfrenta o Villarreal, fora de casa, no sábado, pelo Campeonato Espanhol

Reuters, O Estado de S.Paulo

20 de novembro de 2020 | 20h04

O acúmulo de partidas que afeta os principais clubes da Europa é "loucura", segundo o técnico do Real Madrid, Zinedine Zidane. Em declarações antes da partida fora de casa contra o Villarreal - o primeiro jogo do Real em uma série de 10 em 33 dias - o francês deixou transparecer seus sentimentos. "Tudo o que posso dizer é que olho para o calendário e é demais", disse ele em entrevista coletiva.

“Penso na saúde dos jogadores e nada mais - e eles nunca param. Não estou falando apenas dos meus jogadores, mas estou preocupado com eles. Não quero me envolver, afinal tem gente lá que prepara o calendário, mas estou muito preocupado. É uma loucura."

Zidane não poderá contar com o capitão Sergio Ramos para a visita ao Villarreal, segundo colocado, que está dois pontos acima do Real com uma partida a mais, depois que o zagueiro sentiu uma lesão muscular em jogo da sua seleção que deve deixá-lo de fora por 10 dias.

"Posso apenas dizer o que sinto (sobre a situação). Precisamos tentar dar descanso aos jogadores, sim, mas sabemos que nem todos estão disponíveis, então precisamos equilibrar isso", disse ele.

Já o zagueiro Eder Militão, o meio-campista Casemiro e o meia Eden Hazard estão de volta depois de exames negativos para Covid-19, após terem testado positivo antes dos jogos envolvendo seleções na última semana.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato Espanhol de Futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.