Zidane exalta força do Real ao admitir poupar titulares em jogo contra o Valencia

Time tem duelo pela Liga dos Campeões no meio de semana

Estadao Conteudo

28 de abril de 2017 | 18h54

O técnico do Real Madrid, Zinedine Zidane, admitiu a possibilidade de poupar alguns titulares para a partida contra o Valencia, neste sábado, no Santiago Bernabéu, pelo Campeonato Espanhol, para priorizar o primeiro duelo pela semifinal da Liga dos Campeões, diante do Atlético de Madrid, na terça-feira, também em casa.

"Não é que tenha uma única ideia e um único jogador na minha cabeça. O adversário e o jogador são parâmetros que procuro. Só que tenho muitas opções porque meus jogadores são muito bons e polivalentes. Esta é uma das vantagens desta equipe. Os treinamentos são muito importantes também", ressaltou Zidane.

O comandante do time de Madri exaltou o bom momento vivido pela equipe. "Estamos muito bem física e psicologicamente. Sabemos o que fizemos até agora e o fizemos todos de forma fenomenal. Em uma temporada, sempre há momentos para sofrer e de dificuldades, mas estamos muito felizes. Os jogadores estão todos bem e ainda mais agora", avaliou o treinador do Real Madrid.

Zidane também falou sobre a utilização do português Cristiano Ronaldo em um novo posicionamento em campo, como um centroavante. "Ele sempre jogou de extremo (como um ponta) e pela sua qualidade pode jogar como um atacante centralizado. Ele é muito bom. Sua posição sempre teve sido aberta e isso não vai mudar. Tem marcado muitos gols nessa posição e não podemos nos esquecer disso", avaliou.

O treinador revelou que espera contar novamente com o zagueiro brasileiro naturalizado português Pepe - afastado por lesão - antes o fim da temporada. Zidane disse que o jogador "está um pouco melhor". "As coisas doíam muito, mas está melhor", completou.

A equipe madrilenha se recuperou do revés sofrido no clássico da semana passada para o Barcelona (derrota por 3 a 2) com uma goleada por 6 a 2 imposta sobre o La Coruña, na última quarta. Nesta partida, o time da capital espanhola não teve alguns dos principais jogadores, como Cristiano Ronaldo e Karim Benzema.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolfutebolReal Madrid

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.