Jon Nazca/Reuters
Jon Nazca/Reuters

Zidane nega crise no Real Madrid após eliminação: 'Não se pode ganhar sempre'

Momento ruim do time não desanima técnico francês, que descarta citar resultados como fracassos

Redação, Estadão Conteúdo

15 de janeiro de 2021 | 11h21

O Real Madrid não começou bem o ano de 2021 e logo de cara foi eliminado nas semifinais da Supercopa da Espanha, além de ver o rival Atlético de Madrid abrir vantagem na liderança do Campeonato Espanhol. Após a derrota por 2 a 1 para o Athletic Bilbao, o treinador francês Zinedine Zidane rebateu os rumores envolvendo uma possível crise dentro do clube.

"Não é um fracasso. Fracasso é não tentar, não dar tudo em campo. A vida é assim, não se pode ganhar sempre. Tentamos sempre ganhar, mas não se pode sempre", disse o técnico. "O que querem, que deixemos a temporada? Haverá mais barulho fora, mas nós pensamos em seguir trabalhando".

O Real Madrid é o segundo colocado do Campeonato Espanhol com 37 pontos, a quatro do Atlético de Madrid, que tem dois jogos a menos. A próxima partida será na quarta-feira contra o Alcoyano, pela Copa do Rei, e apenas no dia 23 o time jogará novamente pelo Espanhol contra o Alavés, fora de casa. Tempo para Zidane tentar recolocar a equipe nos trilhos.

"Tivemos uma boa sequência e agora são dois empates (contra Elche e Osasuna) e uma derrota. Temos que seguir trabalhando para mudar a dinâmica rapidamente. O que vem de fora será sempre o mesmo, o que podemos fazer é seguir trabalhando", completou o treinador.

O francês não considerou a derrota para o Athletic Bilbao, atual 12.º colocado no Campeonato Espanhol, um fracasso. Neste domingo, o time da região do País Basco vai decidir a Supercopa da Espanha contra o Barcelona, em Sevilha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.