A zaga campeã do mundo está de volta

Pela primeira vez desde a final do Mundial de Clubes, Paulo André e Chicão voltam a formar a dupla de zaga do Corinthians. Contusões impediram que esses dois jogadores tivessem um início de ano bom, por isso a parceria foi desfeita.

O Estado de S.Paulo

27 de março de 2013 | 02h02

Chicão passou por uma artroscopia no joelho esquerdo na pré-temporada e ficou para trás no elenco. Ele perdeu posição para o recém-contratado Gil, que hoje será poupado.

Quando Chicão ficou pronto para recuperar espaço no time, Paulo André passou por um problema na mão esquerda e também ficou fora de alguns jogos.

A partir da próxima partida, já no clássico contra o São Paulo, Tite terá de optar por dois dos três zagueiros.

"Queremos fazer um bom jogo e dar uma dor de cabeça ao Tite", disse Paulo André. "Vai ser muito legal voltar a jogar com o Chicão, eu sei das dificuldades que ele enfrentou. Mas agora está bem, retomando o ritmo de jogo", disse o zagueiro, que também já perdeu posição no time ano passado quando passou por um problema semelhante no joelho direito.

Ontem o departamento médico confirmou que Renato Augusto ficará fora do time por cerca 45 dias para tratar de uma lesão muscular (grau 2) na coxa direita. O lateral-esquerdo Igor também se machucou na partida contra o Guarani e vai ficar pelo menos um mês parado - ele sofreu uma ruptura parcial nos ligamentos do joelho esquerdo.

Paulo André lamentou as contusões dos companheiros e disse que o futebol brasileiro precisa urgente de uma mudança no calendário. O zagueiro defende o fim dos Estaduais para os times de Primeira Divisão do País.

"Esse formato é impraticável, não vai sobreviver por muito tempo. Existem alguns modelos interessantes, não tenho posição definida, mas não sei até que ponto para times de série A e B vale a pena disputar o Estadual pensando em produto, público, receita...", disse. "Realmente não vejo muito futuro, apesar da história que os Estaduais têm."

Ele critica o fato de o Corinthians jogar domingo o clássico contra o São Paulo pelo Paulistão e ter de viajar segunda-feira para a Colômbia, onde enfrentará o Millonarios pela Libertadores na quarta./V.M.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.