Jeff Hanisch / USA Today Sports
Jeff Hanisch / USA Today Sports

Aaron Rodgers é liberado para voltar a atuar pelo Green Bay Packers

Uma das maiores estrelas da NFL, quarterback sofreu lesão no dia 10 de outubro

Estadão Conteúdo

13 de dezembro de 2017 | 13h21

Um dos maiores astros do futebol americano, o quarterback Aaron Rodgers foi liberado para voltar a atuar pelo Green Bay Packers. Rodgers pode até ser escalado para a próxima partida do time, diante do Carolina Panthers.

+ Após grave lesão, jogador do Steelers na NFL passa por cirurgia e preocupa

O atleta de 34 anos fraturou uma clavícula durante a partida do Packers com o Minessota Vikings. Depois de se chocar com o defensor Anthony Barr, Rodgers caiu e tentou usar o braço para se proteger, causando a fratura. A partida terminou com a vitória do Vikings por 23 a 10.

"Foi um longo caminho daquele dia até isto, mas estou feliz em dizer que estou liberado para jogar pelos médicos. Obrigado por todo amor, apoio, orações e bons desejos nas últimas oito semanas. E um grande obrigado ao doutor McKenzie e sua incrível equipe de treinamento", publicou o atleta em seu instagram.

A volta de Rodgers é um trunfo para o Packers, que ainda busca a classificação para os wild cards, a repescagem da NFL. Com o quarterback em campo, a equipe conquistou quatro vitórias em cinco jogos. Sem ele, foram oito jogos e apenas tês vitórias.

Aaron Rodger está no Green Bay Packers desde 2005 e foi campeão do Super Bowl em 2011, quando foi eleito o mais valioso da partida diante do Pittsburgh Steelers. Também já foi eleito o jogador mais valioso de toda a NFL duas vezes, em 2011 e 2014.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.