, O Estadao de S.Paulo

14 de março de 2010 | 00h00

Ao contrário da F-1, o ambiente da Indy proporciona um contato maior com pilotos e equipes. A impressão é de que, se houvesse um pedido para se sentar nos carros, os mecânicos deixariam. Vips se deliciam tirando fotos coladinhos nos bólidos.

Pista irregular

As equipes usaram pneus de chuva em algumas voltas no primeiro treino livre, apesar das raras poças d"água formadas ao longo da pista. A intenção era a de melhorar a aderência e proporcionar mais estabilidade para os pilotos em alta velocidade.

Previsão pessimista

A organização da São Paulo Indy 300 está prevendo cinco bandeiras amarelas para a prova de hoje, cuja largada será às 13 horas. Detalhe: a previsão foi feita antes das críticas dos pilotos quanto à ondulação do asfalto nas retas e a falta de aderência.

Acidente de percurso

Um susto na região da reta principal. O fotógrafo Carstenn Horst, ao subir em um andaime, caiu de costas, precisou receber atendimento médico, mas foi liberado em seguida. Seus colegas aproveitavam os espelhos d"água no Anhembi para se refrescar.

Trânsito livre

O trânsito na Marginal do Tietê não foi prejudicado por causa dos treinos de ontem. Em razão dos alambrados, só mesmo os motoristas de caminhão conseguiam dar uma espiadinha na pista do Anhembi para observar os pilotos em ação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.