Daniel Augusto Jr/Ag Corinthians
Daniel Augusto Jr/Ag Corinthians

Adriano está a quatro quilos do peso ideal, afirmam médicos do clube

Médicos do Corinthians dizem que atacante já teria perdido cinco quilos

Vítor Marques, O Estado de S.Paulo

12 de agosto de 2011 | 00h00

O atacante Adriano vive seus últimos dias no departamento médico, sob os cuidados dos fisioterapeutas, antes de passar a treinar, no campo, com os preparadores físicos do Corinthians.

Essa é a programação do Imperador nas próximas semanas. Serão os preparadores físicos que darão o aval para ele voltar a treinar com bola, junto com os demais jogadores, e ser liberado pela comissão técnica para ter sua estreia confirmada.

O Estado revelou ontem que o plano do Corinthians prevê que o retorno de Adriano aconteça contra o Flamengo, no dia 7 de setembro, na terceira rodada do segundo turno do Brasileiro.

"Seria um grande negócio, claro, ele estrear contra o Flamengo", afirmou ao Estado o diretor de marketing Luis Paulo Rosenberg. "Mas quem vai decidir isso é a comissão técnica, não sou eu. Quando tiver a confirmação oficial, o marketing vai trabalhar (para promover a estreia)."

Adriano conversou ontem, por rádio, com o volante Willians, do Flamengo, e disse ao amigo que faria sua estreia contra o ex-clube - o atacante foi campeão Brasileiro e artilheiro do time carioca em 2009.

"Ele só falou que estava chegando. Eu respondi: "Pode vir, filho, estamos aí"", disse Willians.

Passada a cicatrização da cirurgia no tornozelo esquerdo, Adriano fica mais tempo na fisioterapia que no campo. O foco ainda é perder peso, tanto que mesmo nessa fase de tratamento ele intensificou exercícios aeróbicos na esteira.

Recentemente os médicos do clube disseram que Adriano havia perdido cinco quilos desde a cirurgia e ainda deveria emagrecer pelo menos mais quatro para poder jogar.

O peso do atleta, no entanto, não foi divulgado. Mas a meta é que Adriano atinja pelo menos o peso próximo de sua passagem pelo Flamengo, em 2009, perto dos 90 quilos.

Para evitar lesões musculares, o retorno dele aos campos vai ocorrer em doses homeopáticas, jogando no máximo 30 minutos. Ele só estaria 100% na reta final do Campeonato Brasileiro.

Quem convive com Adriano no clube vê um atleta motivado a voltar a jogar futebol o mais rápido possível e garante que sua meta é retornar à seleção brasileira.

"Vi que ele está com saudade de jogar, não vê a hora de ter o encontro com a torcida. E isso está muito perto", afirmou o lateral-direito Alessandro.

O contrato de Adriano com o Corinthians termina em junho de 2012, mas está sendo elaborada uma extensão, para o final do ano que vem.

Veja também

link Liedson faz coletivo e deve voltar contra o Ceará domingo

som ESTADÃO ESPN - Tite espera recuperar "time ideal" na próxima rodada

link Itaquerão vai virar suvenir

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.