Albanês se torna primeiro caso de doping nas Olimpíadas

O albanês levantador de peso, Hysen Pulaku, se tornou o primeiro atleta a ser expulso do Jogos Olímpicos de Londres 2012 após seu teste dar positivo para um esteróide anabolizante, disse o Comitê Olímpico Internacional (COI), neste sábado.

Reuters

28 de julho de 2012 | 11h40

O atleta de 19 anos de idade, que deveria competir na classe dos homens de 77 kg, se junta a uma série de atletas banidos por doping antes de começarem os Jogos Olímpicos. Ele agora enfrenta uma possível sanção da federação internacional de levantamento de peso.

O teste de Pulaku deu positivo, No dia 23 de julho, para stanozolol - uma draga antiga, relativamente barata e fácil de detectar, que, como outros esteróides anabolizantes, é projetado para imitar os efeitos do hormônios sexuais do sexo masculino testosterona e diidrotestosterona.

A droga foi detectada na amostra de urina de Pulaku. Seu treinador pessoal e tio, Sami Pulaku, disse nem ele ou o atleta negam a presença do esteróide e que a decisão não seria contestada.

"Claro que é sempre um dia triste quando um atleta é pego trapaceando", disse o porta-voz do COI Mark Adams. "Espero que não aconteça mais".

(Reportagem de Neil Maidment, Kate Kelland e Karolos Grohmann)

Tudo o que sabemos sobre:
OLIMPALBANIADOPING*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.