Além de Phelps, mais 3 atletas quebram recorde na Austrália

O dia de disputas na Austrália ficará marcado na história da natação. Além do norte-americano Michael Phelps, que quebrou a marca do australiano Ian Thorpe nos 200 metros livres, mais três atletas estabeleceram recorde mundial nesta terça-feira, durante disputa do Mundial de Melbourne.A norte-americana Natalie Coughlin bateu o recorde mundial dos 100 metros costas, com o tempo de 59s44. A própria Coughlin era dona da melhor marca mundial desde agosto de 2002, quando estabeleceu 59s58 em Fort Lauderdale, nos Estados Unidos.Depois, foi a vez do também norte-americano Aaron Peirsol baixar o seu próprio recorde. Na prova dos 100 metros costas, ele cravou o tempo de 52s98, ante 53s17 que o mesmo havia estabelecido em Indianápolis, nos Estados Unidos, em 2005.Por fim, coube à italiana Federica Pellegrini alcançar o quarto recorde desta terça-feira. Ela cravou o tempo de 1min56s47 na semifinal dos 200 metros livre, derrubando a marca da alemã Franziska van Almsick (1min56s64), alcançada em agosto de 2002, em Berlim.As marcas desta terça-feira surpreenderam os torcedores, uma vez que não se havia registrado nenhum recorde mundial em Melbourne em 110 provas disputadas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.