Alemão derrota Phelps e bate recorde dos 200m livre

O alemão Paul Bierdemann conseguiu nesta terça-feira algo que parecia impossível. Ele superou Michael Phelps nos 200 metros livre e conquistou a medalha de ouro no Mundial de Esportes Aquáticos, em Roma. De quebra, estabeleceu um novo recorde mundial da prova, com 1min42s00.

AE, Agencia Estado

28 de julho de 2009 | 13h34

Líder nas eliminatórias, o alemão chegou à final como grande candidato a derrotar Phelps, que não perdia a prova desde a Olimpíada de Atenas, em 2004. A derrota é também a primeira do nadador em uma prova individual desde os 100m borboleta no Mundial de 2005.

Desde o início da prova desta terça-feira, Bierdemann liderou a disputa. Nos metros finais, onde o norte-americano costuma consolidar suas vitórias, o alemão brilhou ainda mais e abriu distância.

Phelps completou a prova em segundo lugar, com 1min43s22 - seu antigo recorde mundial era de 1min42s96. O maior medalhista olímpico da história não cumprimentou o rival após a prova, e deixou a piscina visivelmente abatido. A medalha de bronze ficou com o russo Danila Izotov completou com pódio.

A vitória sobre Michael Phelps foi o segundo grande feito de Biedermann em Roma. No domingo, ele havia quebrado o recorde mundial dos 400 metros livre com 3min40s07, superando por 0s01 a marca de Ian Thorpe, que durava desde 2002.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.