Alguns se equilibram, mas Sharapova cai

Desafio é se manter em pé na grama em Londres. Musa perde para Dulko

, O Estadao de S.Paulo

25 de junho de 2009 | 00h00

A grama verdinha, ainda sem maior desgaste, deslumbra e causa temor aos tenistas em Wimbledon. Mesmo com calçados especiais, nem Roger Federer escapou de cair estatelado no solo escorregadiço do Grand Slam londrino nesses primeiros dias de disputa. Maria Sharapova, com menos sorte, sofreu dupla queda. Desabou em quadra, conseguiu passar pela primeira rodada, mas ontem, mesmo com um pouco mais de equilíbrio nas pernas, foi batida pela surpreendente Gisela Dulko, 45ª do mundo.A argentina, fiel sucessora da beleza de Gabriela Sabatini, mostrou que também pode apresentar em quadra um tênis eficiente como o da musa que ficou na história do esporte de seu país com um título do US Open, em 1990, e uma final em Wimbledon no ano seguinte. Venceu a russa em três sets, parciais de 6/2, 6/3 e 6/4. Enfrenta Nadia Petrova, 10ª do ranking na terceira rodada. "Foi a maior vitória da minha carreira, no torneio mais importante para mim e ainda na quadra central", disse, exultante, a bela argentina de 24 anos, que surgiu como um grande talento no circuito mundial juvenil, mas se perdeu no "abismo das tenistas bonitas" - badalação, capas de revistas e os namorados famosos ( entre eles os tenistas Fernando Verdasco, Tommy Robredo e o atual romance, o chileno Fernando Gonzalez). "Estava muito nervosa, só queria que o jogo acabasse."Enquanto Dulko protagonizava a primeira grande queda do torneio deste ano, outros tenistas lutavam para não cair sentados em quadra. A explicação está em suaves modificações feitas pela organização nos últimos anos. A grama ficou um pouco mais alta e o chão um pouco menos compactado - à noite, funcionários do torneio passam um rolo para deixar o terreno mais duro - para privilegiar as trocas de bola e diminuir a vantagem dos grandes sacadores, que costumam liquidar partidas com muitos aces. Estrelas ao solo, mas foram só sustos. A atual campeã Venus Williams também caiu, mas conseguiu se segurar no torneio. Ana Ivanovic idem. Palmas para os equilibristas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.