EFE/EPA/Stian Lysberg Solum
EFE/EPA/Stian Lysberg Solum

Alison dos Santos vence a terceira e se mantém invicto na Diamond League

Brasileiro fez o tempo de 47s26 e foi seguido por Rasmus Magi, da Estônia, com 48s51, e pelo francês Wilfried Happio, com 49s01

Redação, O Estado de S.Paulo

16 de junho de 2022 | 19h49

O brasileiro Alison dos Santos conquistou a terceira medalha de ouro nos 400 metros com barreira na temporada 2022 da Diamond League. Nesta quinta-feira, em Oslo, na Noruega, ele fez o tempo de 47s26 e foi seguido por Rasmus Magi, da Estônia, com 48s51, e pelo francês Wilfried Happio, com 49s01.

Bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio, no ano passado, com 46s72, Alison, de 22 anos, ficou apenas três centésimos de sua melhor marca na temporada (fez 47s23 na etapa dos Estados Unidos). Antes de ganhar na pista norueguesa, o corredor brasileiro foi ouro nas etapas de Doha (Catar), em 13 de maio, e Eugene (EUA), em 28 de maio.

Thiago Braz, dono de um ouro e um bronze em Olimpíadas, acabou ficando fora do pódio no salto com vara. Ele chegou a 5,60 metros, distante dos três primeiros colocados: o sueco Armand Duplantis (6,02m), e os noruegueses Sondre Guttormsen (5,80m) e Pal Hauggen Lillefosse (5,80m, mas perdendo nos critérios de desempate).

Nos 110m com barreiras, o brasileiro Rafael Pereira levou a medalha de bronze em Oslo ao marcar 13s37, ficando atrás apenas de Allen Devon, dos Estados Unidos (13s22), e de Asier Martínez, da Espanha (13s30).

Na disputa dos 100m paralímpico, o brasileiro Petrúcio Ferreira perdeu o ouro apenas no photo finish após marcar 10s57, mesmo tempo do anfitrião Salum Ageze Kashafali. O bronze foi para Skander Djamil Athmani, com 10s58.

Tudo o que sabemos sobre:
atletismoAlison dos Santos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.