Alonso se defende de ataque de Vettel e vence em Cingapura

Fernando Alonso, da Ferrari, defendeu-se do ataque de Sebastian Vettel, da Red Bull, para vencer o acidentado GP de Cingapura de Fórmula 1, neste domingo.

REUTERS

26 de setembro de 2010 | 11h28

O líder do campeonato, o australiano Mark Webber, também da Red Bull, terminou em terceiro e ampliou sua vantagem de cinco para 11 pontos na classificação geral, depois de ter colidido com o britânico Lewis Hamilton, da McLaren, que abandonou a corrida.

Com apenas quatro corridas restando para o final do campeonato, Webber tem 202 pontos, o espanhol Alonso agora está com 191 e Hamilton está em terceiro com dez pontos a menos.

Tudo o que sabemos sobre:
FUMALONSOVENCECINGAPURA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.