Amauri usa vôlei para ajudar carentes

Há 33 anos, na Vila Alpina, bairro da Zona Leste de São Paulo, o menino Amauri começava a brincar de vôlei. Hoje, aos 44, ele está de volta à vila, só que como professor de quase cem crianças e adolescentes carentes. Nesse espaço de tempo em que ficou longe, conquistou 12 títulos paulistas, seis brasileiros e duas medalhas de ouro olímpicas ? prata em Los Angeles/84 e ouro em Barcelona/92.Leia mais no Jornal da Tarde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.