Após acidente, Conway ficará 3 meses fora da F-Indy

O piloto britânico Mike Conway perderá três meses da atual temporada de Fórmula Indy para se recuperar dos ferimentos causados pelo forte acidente ocorrido nas 500 milhas de Indianápolis, no último domingo. Ele sofreu múltiplas fraturas na perna esquerda e também teve uma compressão nas costas.

AE-AP, Agência Estado

31 Maio 2010 | 17h48

O carro de Conway não conseguiu desviar de Hunter-Reay, que estava em baixa velocidade, e voou em direção ao muro, partindo em dois. Porém, o cockpit ficou intacto. O vencedor da Indianápolis deste ano, o escocês Dario Franchitti revelou nesta segunda-feira que ficou assustado quando viu os destroços na pista.

"Quando deram a bandeira amarela eu pensei ''isto vai nos ajudar'', então a próxima frase que ouvi foi ''escombros em toda parte''. Vi que era o Mike e torci para que ele estivesse bem e depois soube que estava tudo certo. Quando você vê este tipo de acidente, você sabe que ele teve sorte", comentou o piloto.

A equipe de Conway ainda não definiu o seu substituto. Na corrida de domingo, a escuderia colocou quatro pilotos na pista: os britânicos Mike Conway e Justin Wilson, que são os titulares, a brasileira Bia Figueiredo e o sul-africano Thomas Scheckter.

Já Hunter-Reay machucou o dedo polegar. Mas mesmo assim não tem a presença confirmada na próxima etapa da Fórmula Indy, que será disputada no próximo fim de semana no Texas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.