Após acidente, operários do Maracanã cogitam greve

Um acidente no início da manhã desta quarta-feira nas obras do Maracanã motivou uma manifestação dos funcionários por melhores condições de trabalho. O movimento começou na parte da tarde, depois que um homem se feriu ao cortar um galão, que provocou uma pequena explosão.

LEONARDO MAIA, Agência Estado

17 de agosto de 2011 | 17h55

O funcionário foi levado ao Hospital Souza Aguiar. Os demais operários ficaram sabendo que o atendimento foi demorado e decidiram iniciar o protesto contra o consórcio "Maracanã Rio 2014". Eles ameaçam entrar em greve.

A Secretária de Obras do Rio informou que o consórcio garantiu que nenhum acidente havia sido registrado. A manifestação se dava apenas por questões salariais. Mas a Agência Estado apurou com um funcionário que trabalha na reforma do Maracanã que realmente um homem ficou ferido na explosão.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa de 2014Maracanãacidentegreve

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.