Após apagão do Flu na ida, Osvaldo prega calma para avançar na Copa do Brasil

Na última quarta-feira, o Fluminense empatou com a Ferroviária por 3 a 3, fora de casa, após ter começado vencendo por 2 a 0. Em um "apagão", o time levou a virada e teve de buscar o empate em Araraquara (SP) nos minutos finais. Neste domingo, o atacante Osvaldo afirmou que o time precisa manter a calma no jogo de volta para conquistar uma vaga na terceira fase da Copa do Brasil.

Agência Estado, Estadão Conteúdo

08 de maio de 2016 | 17h28

"Não conseguimos segurar a bola. E a partida estava muito corrida. Eles conseguiram impor um ritmo de jogo muito forte e pressionaram a nossa equipe mesmo jogando com um a menos. Acabamos tomando dois gols que não poderíamos. Conseguimos empatar e agora é ter tranquilidade para o jogo da volta e que possamos fazer o nosso dever de casa e garantir essa classificação", afirmou Osvaldo.

O atacante reconheceu que o time ficou apático após levar dois gols da Ferroviária, mas prometeu que o time vai trabalhar forte para corrigir os erros a tempo. A partida de volta acontece nesta quinta-feira, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ).

"Não começamos o jogo bem, mas com 15 minutos acabamos acertando ali dentro de campo mesmo e conseguimos fazer 2 a 0. Depois acabou dando tudo errado. Veio pênalti, que eles acabaram não convertendo, mas tomamos dois gols em seguida no finalzinho do primeiro tempo e não tivemos forças para reagir. Mas são coisas do futebol. Vamos trabalhar forte porque temos muita coisa para acertar, como o professor Levir (Culpi) sempre nos passa", completou Osvaldo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.