Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Após atletismo, biatlo da Rússia também é punido por doping sistemático

O atletismo não é um caso isolado de doping sistemático na Rússia. Nesta quinta-feira, a União Russa de Biatlo (RBU) anunciou que aceitou a punição de 100 mil euros imposta pela União Internacional de Biatlo (IBU) por conta dos seguidos casos de doping entre atletas ligados à entidade.

Estadão Conteúdo

26 de novembro de 2015 | 13h17

Dois desses casos aconteceram durante os Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, exatamente na Rússia, no ano passado, com Irina Starykh e Ekaterina Iourieva sendo banidas da competição. Depois, também Alexander Loginov caiu no doping, todos por EPO, hormônio sintético utilizado para produzir glóbulos vermelhos e ajudar na resistência. Todos estão suspensos, mas Iourieva anunciou aposentadoria.

De acordo com a IBU, a Rússia causou "sério dano aos interesses e à reputação da entidade" e a multa imposta aos russos é a mais alta possível. Já os russos garantiram que não têm razão nem a intenção de apelar. Em 2009, já haviam sido multados em 50 mil euros pelo mesmo motivo. O biatlo é uma combinação de esqui cross country e tiro.

Tudo o que sabemos sobre:
dopingbiatloRússia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.